17votadas

Os partidos políticos espanhóis conseguirom 273 milhões de euros e, contudo, devem à banca 237 milhões

Num estado espanhol em que as formações políticas obtiveram 273 milhões de subvenções publicas em 2012 e mantêm, porém, uma dívida de 237 milhões, nove formações políticas estão mesmo em falência técnica. Ao não serem empresas safam do que acontecería no mundo mercantil: concurso de credores, embargos, etc.. Na lista: Unió Democràtica de Catalunya, Izquierda Unida, Iniciativa per Catalunya-Verds, Geroa Bai, Esquerra Unida i Alternativa, Convergència i Unió, Chunta Aragonesista, Bloque Nacionalista Galego e Bloc Nacionalista Valencià.

13votadas

Recentralización. Información para federalistas e rupturistas [opi]

Cambios normativos estatais ou sentenzas do Tribunal Constitucional ensanchan as competencias estatais reducindo ou dinamitando as autonómicas: -Fracking. A prohibición autonómica non é unha norma adicional de protección ambiental. Invasión das competencias estatais. STC 24.6.2014 -Agricultura. Centralización da consulta para determinar a condición de organización agraria máis representativa e eliminación da posibilidade de o ser cun resultado importante nunha soa comunidade autónoma. Lei 12/2014...

20votadas

Carta pública do preso independentista Roberto R. Fialhega

A continuaçom reproduzimos a carta pública do preso independentista Roberto R. Fialhega, Teto, escrita o 13 de Junho desde a prisom de Teixeiro. Lembramos que Teto foi deslocado a esta cadeia para declarar como imputado no juízo 8f45anos e no que a Fiscalia retirou os cargos contra ele e contra outro dos processados. Neste momento Teto está novamente dispersado em Estremera (Madrid).

14votadas

Peréz Tápias, candidado a liderar o PSOE, advoga um por um estado federal que reconheça a plurinacionalidade

Cadidato Peréz Tápias, ve urgente que o Estado espanhol reconheça a sua pluralidade nacional mediante uma reforma profunda da constituição.

27votadas

Novas sançons aos movimentos sociais e políticos galegos

Durante estes dias umha nova ondada de sançons económicas chegárom aos domicílios galegos. Desta volta trata-se das ativistas okupas que participárom contra o despejo do CSO Palaveia (Corunha) assim como das militantes juvenis que se concentraram ante os Julgados das Fontinhas (Compostela) exigindo a liberdade das estudantes detidas.

14votadas

A xestión das zonas verdes: un espazo máis para o lucro privado

O colectivo de arquitectos e arquitectas Ergosfera analiza e documenta o crecente beneficio económico obtido por empresas privadas dende que se iniciou o proceso de privatización da xestión. No 2010, A Coruña completou a privatización da xestión dos parques e xardíns. Os beneficiados por esta decisión foron as empresas Cespa (Ferrovial), Orto e Malvecín, que dende entón veñen recibindo unha importante (e crecente) cantidade de cartos públicos polo mantemento* : dos 4,44 millóns anuais de 2010 aos 5,43 millóns en 2014.

15votadas

Ingresos e gastos da campaña electoral das Europeas 2014 (BNG)

O Consello Nacional do BNG acordou publicar na web do BNG o resultado económico (ingresos e gastos) das pasadas eleccións ao Parlamento europeo.

15votadas

Amigos de Olivença pedem resolução do "litígio" ibérico

O Grupo dos Amigos de Olivença quer que o rei Filipe VI de Espanha, que hoje realiza uma visita oficial a Portugal, sensibilize o governo de Madrid para a resolução do litígio entre os dois Estados ibéricos. O presidente do Grupo dos Amigos de Olivença, Fernando Castanhinho, disse que a questão de Olivença continua por resolver, porque Portugal não reconhece a soberania espanhola sobre aquele território.

17votadas

A foto do vômito

A empresa Eurofund tem um plano complementar para devastar e rapinar o monte de Cabral. Para além do suborno à corporação municipal e ao governante PPSOE, quer ter uma imagem limpa e inclusive caritativa. Deste jeito vendem a Vigo que são as novas irmãzinhas da caridade, após que as do Bairro do Cura foram enviadas ao quinto pino. Minutos depois de se reunirem com a máfia marula do autodenominado “clube financeiro”, fumarem lá uns charutos, tomarem uns brandis e botarem umas risas com os amos da aldeia enquanto desenham como vai ser o seu Vigo.

18votadas

Feijóo reivindícase herdeiro do “testamento político” que é “Sempre en Galiza”

Apenas seis días despois de que optase polo "Castelao humanista" e non o político no discurso de entrega das medallas que levan o seu nome, Feijóo deu un xiro para reivindicarse herdeiro do "testamento político" que é o Sempre en Galiza no acto institucional que conmemorou o setenta aniversario da súa publicación no exilio de Bos Aires

16votadas

É a Espanha um estado democrático?

DECRETO LEI 8/2014, Um ESCÁNDALO DEMOCRÁTICO Pensábamos já que o PP no podia ir a mais no seu exercício absolutista do poder, no seu abuso dos Decretos Leis, seu ninguneo ao Parlamento, em definitiva o seu rejeitament genético à democracia, chegou outra sexta feira de Dolores e o Governo aprova outro Decreto Lei, o 8/2014, que supõe um ataque na linha de flotamento à democracia parlamentar.

16votadas

Curdos querem referendar a independência

O presidente do governo regional do Curdistão, no norte do Iraque, pediu ao Parlamento na quinta-feira que autorize a realização de um referendo sobre a independência. Masoud Barzani encara a consulta popular como uma "arma poderosa" no "reforço da posição" curda. Mesmo que a realização de um sufrágio à independência não seja novidade para os curdos, os últimos acontecimentos no terreno dão-lhes mais confiança de que poderão estar reunidas as condições para a concretização do sonho de um Estado soberano no Curdistão.

23votadas

Pablo Iglesias: "os políticos que mais admiro são Julio Anguita e Xosé Manuel Beiras"

Nesta entrevista o lider de Podemos declara-se admirador de Beiras.

17votadas

Carmela Silva é a crack de Vigo (e isso há que pagá-lo!)

A hiper-estrela do consistório vigués, Carmela Silva, acaba de acumular um novo cargo aos oito que já tinha: Secretária Segunda do Congresso dos Deputados, Vogal da Deputação Permanente, Vogal da Comissão de Fomento, Vogal da Comissão de Educação e Desporto, Secretária Segunda da Comissão de Regulamento, Vice-presidenta da Câmara Municipal de Vigo, Concelheira de Urbanismo, Concelheira de Cascos históricos, Concelheira de Patrimônio e Concelheira de grandes projectos. Desde hoje é também Concelheira de Economia e Facenda. E isso há que pagá-lo.

12votadas

O Consejo de Estado avala as “retençons preventivas”

Apelando a umha suposta “paz pública” da-se luz verde à denominada “retençom preventiva” que se aplicarám em caso de presunto delito e também alegando a umha investigaçom. Esta retençom preventiva poderá durar até seis horas.

« anterior12345...377» seguinte

Chuza